Horário de funcionamento: Seg. à Sex. 7:30 às 17h

Bocaina – Cidade Linda – Nossa Terra – Paraíso do nosso Brasil

Bocaina – Cidade Linda – Nossa Terra – Paraíso do nosso Brasil

Cidade situada no centro geográfico do estado de São Paulo , teve a sua fundação em 23 de maio de 1891 e com economia voltada a fabricação de EPIs( equipamentos de proteção individual ) , beneficiamento de couros e agricultura voltada ao cultivo de cana de açúcar , café , macadâmia e eucaliptus.

Fazendas de pecuária de corte e leite , com uma usina de beneficiamento de leite de búfalas , cujos produtos são conhecido em todo o país , devido á qualidade apresentada.

Bocaina é margeada pela Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros , a SP-255, braço importantíssimo de ligação entre grandes rodovias paulistas, como a Rodovia Washington Luiz e Marechal Rondon , ligando nossa cidade à importantes cidades como Araraquara, Jaú e Bauru.

Pequena e hospitaleira , Bocaina se destaca como uma cidade ordeira e de tradições , mantendo suas características arquitetônicas através de seus casarões dos áureos tempos do café , cujo centro histórico preservado é um convite a se conhecer a história da pequena “ boca de serra”.

 

História de Nossa Bocaina

Nas proximidades do rio Jacaré-Pepira, junto a um boqueirão no meio da mata, foi fundada pelo Capitão Bento Bernardes Rangel e Luiz Valladão de Freitas, a povoação de “Arraial de São João”, mais tarde chamada São João da Bocaina.

O nome decorreu da devoção ao santo das festas juninas, época em que se deu a fundação, e “Bocaina”em virtude do grotão ou boqueirão junto ao qual foi instalado o povoado, em terras doadas por José Inácio e seu sobrinho José Inácio Alvarenga.

Em julho de 1890 São João da Bocaina foi elevado a distrito policial e no ano seguinte, em fevereiro, foi criado o distrito de Paz, que passou, e em 11 de julho de 1891 passou a denominar-se município.

O município passou a denominar-se simplesmente Bocaina, pelo decreto nº 9775, de 30 de novembro de 1938 .

Hoje a economia de Bocaina está assentada na lavoura predominantemente canavieira, com uma usina de açúcar e álcool no município; e na produção de equipamentos de proteção individual (EPI), como luvas, aventais e outros, feitos em raspa de couro. Possui um grande número de curtumes e fábricas de luvas. Daí ser considerada a Capital Nacional da Luva de Raspa.

Todo dia 1 de maio, dia do trabalho, acontece a "Alvorada", tradição de mais de 100 anos, trazida pelos colonos italianos. Vários músicos de reúnem e a Banda Carlos Gomes (criada pelo maestro Tulio Ghiselli) sai pelas ruas da cidade, de manhã bem cedo, acordando os munícipes, ao som de tradicionais cantigas, como o Hino do Trabalhador, de origem italiana, marchinhas, dobrados. Algumas famílias oferecem café da manhã à banda e seus seguidores, no decorrer do trajeto, que hoje é feito de ônibus, devido ao crescimento da cidade .

Em junho Bocaina festeja o seu padroeiro, São João Batista. Na noite de 23 para o dia 24 à meia noite, devotos passam descalços sobre o braseiro de uma grande fogueira, atualmente acesa em frente à Igreja Matriz. A tradicional e consagrada Festa de São João Batista começa na segunda quinzena de junho e termina em meados de julho.

A igreja Matriz de São João Batista, em Bocaina, é depositária de 13 telas sacras do pintor Benedito Calixto de Jesus. Natural de Itanhaém , Benedito Calixto pintou as telas de Bocaina em 1924 e 1925, e consta que foram seus últimos trabalhos. As telas foram recentemente restauradas e estão tombadas pelo Patrimônio Histórico do Estado de São Paulo. O município pertence à Diocese de São Carlos.

Bocaina conta hoje , com 4 unidades de saúde em funcionamento , uma rede municipal escolar de qualidade , restaurantes e lanchonetes preparados para receber a todos que chegam a esta querida cidade , situada no centro geográfico do Estado de São Paulo.

Localização


Voltar